06/04/2020 08h03 - Atualizado em 08/05/2020 13h15

Secult lança Edital Emergencial da Cultura


A seleção contemplará 300 prêmios divididos entre conteúdo digital e atividades depois do fim da pandemia do Covid-19.

Para amenizar os impactos do novo Coronavírus (Covid-19) no setor cultural, a Secretaria da Cultura (Secult) lança o primeiro edital da Cultura de 2020. Em caráter emergencial, a seleção contemplará 300 prêmios de R$ 1.200,00 divididos em propostas a serem realizadas on-line e apresentações presenciais após o fim do Estado de Emergência em Saúde Pública no Espírito Santo. Os recursos são do Fundo de Cultura do Estado do Espírito Santo (Funcultura) e farão parte de uma programação executada e divulgada pela Secult.

Podem participar artistas e técnicos tanto com projetos de apresentações quanto de capacitação na área de cultura. Todos os procedimentos serão simplificados, com o objetivo de dar uma resposta rápida ao setor cultural capixaba. O edital capixaba se destaca entre os demais em território nacional por possibilitar a inscrição de projetos de técnicos da cultura, como sonoplastas, iluminadores, fotógrafos, produtores e outros.

Com o cancelamento de eventos culturais em todo o Estado para evitar aglomerações, as apresentações on-line são uma saída para a atuação de profissionais da cultura. Já as apresentações posteriores ao Estado de Emergência são focadas em grupos mais vulneráveis, como os da cultura popular e o do circo, que têm menos acesso à internet ou dependem de apresentações presenciais em seu fazer artístico.

A seleção será exclusivamente on-line, em dois períodos: 150 prêmios com inscrições entre 8 e 20 de abril e a outra metade com inscrições entre 20 de maio e 1 de junho. Em cada período de inscrição, 50 prêmios vão para apresentações presenciais e 100 prêmios para apresentações on-line.

A divisão dos prêmios também se dá por municípios no eixo on-line: 60 para municípios de até 30 mil habitantes; 40 para municípios com população entre 30 e 100 mil habitantes e 100 prêmios para cidades com mais de 100 mil habitantes.

Quem pode se inscrever

Agentes culturais que moram há dois anos ou mais no Espírito Santo podem se inscrever no edital como Pessoa Física. Para a inscrição, é necessário ainda ter cadastro em seu nome na plataforma on-line Prosas.

É vedada a participação de Pessoas Jurídicas, membros da Comissão Julgadora, menores de 18 anos e funcionários da Secult, bem como de parentes de até segundo grau de funcionários da Secretaria ou membros da comissão.

Apresentações on-line

No eixo 1, “Propostas de Conteúdo Individual Transmitidas por Meio Audiovisual”, podem se inscrever projetos de apresentações on-line de teatro, contação de histórias, performance, circo, leitura dramática, música, sets de DJ e outros formatos artísticos, desde que apresentados individualmente.

O Eixo 1 também inclui atividades de formação, qualificação e capacitação na área cultural que podem ser transmitidas ao vivo ou ser gravadas. Na área de formação técnico-cultural podem caber propostas de formações técnicas para os diversos segmentos artísticos. O foco aqui são os trabalhadores da economia criativa que estão impedidos de trabalhar, devido à restrição na realização de eventos, de modo que podem ser propostas oficinas em todas as áreas artísticas, inclusive a técnica, como iluminação cênica, mixagem de som, produção e outros.

O texto do edital especifica ainda que é possível propor outras formas de apresentações on-line devidamente justificadas na inscrição. Todas as questões serão analisadas pela Comissão Julgadora, considerando as especificidades em cada fazer artístico.

Apresentações presenciais

No Eixo 2,  Propostas Artísticas a Serem Executadas de Forma Presencial, podem se inscrever propostas de números circenses, esquetes teatrais, performances e outras formas de expressão artística que envolvam agentes culturais mais vulneráveis, na modalidade individual ou em dupla. Neste eixo também cabem propostas que possam contribuir para o conhecimento, a difusão e a valorização das diferentes manifestações culturais populares do Espírito Santo.

Atividades de formação, qualificação e capacitação no eixo presencial devem ter duração mínima de 60 minutos e máxima de 120 minutos. O conteúdo a ser abordado deve ser apresentado no ato da inscrição.

 

Leia o Edital na íntegra

Inscreva-se

Contato para dúvidas: (27) 3636-7115/ 3636-7116

Secult divulga resultado da primeira etapa do Edital Emergencial da Cultura

A Secretaria da Cultura (Secult) divulgou, nesta sexta-feira (08), resultado da primeira etapa do Edital Emergencial da Cultura. Elaborado para amenizar os impactos econômicos do novo Coronavírus (Covid-19) no setor cultural, a seleção neste primeiro período irá contemplar 150 prêmios de R$ 1.200,00, divididos em 100 propostas, a serem realizadas on-line, além de 50 apresentações presenciais após o fim do Estado de Emergência em Saúde Pública no Espírito Santo.

O extrato da Ata foi publicado no Diário Oficial do Estado, e a lista completa de inscritos e selecionados pode ser conferida abaixo:

AQUI

O Edital Emergencial da Cultura terá uma segunda etapa de inscrições para 150 prêmios entre 20 de maio e 01 de junho, totalizando, assim, os 300 prêmios com o valor de R$ 360 mil reais. Saiba mais sobre o resultado neste link AQUI


Informações à Imprensa:
Assessoria de Comunicação da Secult
Aline Dias / Danilo Ferraz / Erika Piskac
(27) 3636-7111 / 99753-7583 / 999021627
secultjornalismo@gmail.com
comunicacao@secult.es.gov.br
https://www.facebook.com/SecultES/
https://www.instagram.com/secult.es/

2015 / Desenvolvido pelo PRODEST utilizando o software livre Orchard