10/03/2021 17h09 - Atualizado em 19/03/2021 12h23

Instituto Das Pretas.Org capacita movimentadores da cultura periférica

Formação de transformação digital para 60 contemplados no Espírito Santo é realizada via Lei Aldir Blanc.

Promover autonomia e geração de renda por meio de soluções criativas em seus territórios. Esse é o principal objetivo do programa Nós da Cultura: uma jornada de capacitação e transformação digital para movimentadores da cultura periférica do Espírito Santo. São 60 agentes contemplados em todo o Estado para participar das mais de 150 horas de formação com direito a bolsa, aulas, oficinas e palestras. O programa foi contemplado pelo Chamamento Trilhas da Cultura da Lei Aldir Blanc, Secretaria da Cultura (Secult).

Com live de abertura do Das Pretas e Secult, nesta segunda-feira (22), às 18h, o Nós da Cultura terá cinco semanas de duração. Durante as trilhas formativas, os fazedores de cultura contemplados irão participar de imersões com profissionais, como a CEO do Das Pretas e estrategista de Inteligência em resolutivas de impacto social Priscila Gama. Além de Juliana Lisboa (Cidade Quinta) Gisele Rocha (Burocras), Diego Lemos (Casa 7), Pai Rodney, Karen Valentim, Marta Carvalho (Ogilvy/ IYABÁ), Miria Alves (Todas Podem Mixar) e Thais Amorim (Museu Capixaba do Negro).

A jornada vai abordar desde o desenvolvimento metodológico de impacto social em seus territórios até como fazer uma apresentação para captar recursos para seus projetos para performá-los on-line e off-line. Frente às realidades de desigualdades e desemprego sistêmico, o Nós da Cultura auxilia na autonomia para promoção de geração de renda, potencialização das culturas territoriais e os saberes locais que estes empreendedores criativos e culturais já têm.

Além de capacitar os empreendedores criativos e culturais na elaboração e gestão de projetos, o projeto auxilia na operacionalização dos grupos. Os fazedores de cultura serão capacitados a elaborar e gerir os projetos socioculturais e a elaborar soluções criativas para intervirem em seus territórios e para empresas.

O Instituto Das Pretas.Org é um laboratório de inovação social que atua no enfrentamento às violências contra a juventude e as mulheres negras, por meio da construção de soluções de impacto social nas áreas da cultura, da educação, do empreendedorismo e da tecnologia. Há seis anos no mercado capixaba, a organização é responsável por inúmeros projetos como o Encontro das Pretas, segundo maior evento de cultura negra do Brasil e o primeiro do Espírito Santo, e o Quilombinho, que visa a fundamentar a implementação da lei 10.639 compartilhando saberes acerca de África e afrobrasilidades.

Serviço - Nós da Cultura

Live de abertura:
Dia: 22/03 (segunda-feira)
Horário: às 18 horas
Onde: na plataforma Zoom e instagram @das.pretas e @secult.es

Saiba mais em www.daspretas.com.br/nós

 

Informações à Imprensa:
Assessoria de Comunicação da Secult
Aline Dias / Danilo Ferraz / Erika Piskac
(27) 3636-7111/99753-7583/99902-1627
secultjornalismo@gmail.com
comunicacao@secult.es.gov.br
https://www.facebook.com/SecultES/
https://www.instagram.com/secult.es/

 

2015 / Desenvolvido pelo PRODEST utilizando o software livre Orchard