07/08/2017 14h17 - Atualizado em 15/08/2017 15h03

Inscrições abertas para o seminário “Conviver com o Patrimônio Cultural”

No próximo dia 17 de agosto, a Secretaria de Estado da Cultura (Secult) e a Superintendência do Iphan no Espírito Santo realizarão o seminário “Conviver com o Patrimônio Cultural”, a partir das 9h, na Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes). Segundo Rodrigo Zotelli, Gerente de Memória e Patrimônio da Secult, os convidados abordarão os diversos aspectos da convivência com o patrimônio cultural, nas escalas do edifício/monumento, das cidades e na perspectiva da interação das pessoas com esse patrimônio.

 A atividade é gratuita e conta com o apoio do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes) e do Instituto Tomie Ohtake. Para participar é só fazer a inscrição no link abaixo. http://goo.gl/forms/zPYMYdK2hkugiV6v2 .

 O Seminário integra a programação da “Semana do Patrimônio Cultural” e contará com a participação de palestrantes das mais diferentes áreas de conhecimento. A data, 17 de agosto, marca o Dia Nacional do Patrimônio Histórico, celebrada desde 1998, por ocasião do centenário do advogado, escritor e jornalista Rodrigo Melo Franco de Andrade, primeiro presidente do Iphan.

  Confira a programação completa:

9h - 10h: Abertura "Conviver com o Patrimônio Cultural" (Iphan-ES e Secult-ES)

10h - 12h: Mesa 01 - "Intervenções em bens e sítios históricos: a cidade e seus diversos tempos" com Ione Marroquim (Escritório Marroquim Arquitetos) e Renata Hermanny de Almeida (Ufes)

12h - 14h: Intervalo para o almoço

14h - 16h: Mesa 02 - "Acessibilidade: encontros com a diversidade" com Isabel Portella (Ibram) e Luis Roberto Soares (Instituto Tomie Ohtake)

16h - 17h: Apresentação do projeto "Circula Congo Cariacica, grupo contemplado no Edital 010/2016 do Funcultura – Secult-ES

17h: Encerramento com a entrega do Certificado de Participação

 

Conheça os palestrantes convidados:

 

Ione Marroquim

Graduada em Arquitetura pela Universidade Federal de Pernambuco em  1973,possui Especialização em Gestão e Conservação Urbana pelo Centro de Estudos Avançados de Conservação Urbana Integrada CECI-UFPE  e Mestrado pelo Departamento de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Federal de Pernambuco UFPE. Trabalhou na Argélia no Escritório de Oscar Niemeyer em projetos para Argel e Constantine. Em Vitória atuou como arquiteta no  Escritório Técnico Administrativo da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) até 1982  e a partir de então desenvolveu vários projetos com Fernando Marroquim no escritório da Marroquim Arquitetos dentro e fora do Espírito Santo. Dentre eles, um Hotel no Centro Histórico de Olinda –PE do qual é proprietária .

É professora aposentada do Curso de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Federal .

 

Renata Hermanny de Almeida

Graduada em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal do Espírito Santo (1986), possui Mestrado em Arquitetura e Urbanismo, na área de concentração Conservação e Restauro, pela Universidade Federal da Bahia (1993), e Doutorado em Arquitetura e Urbanismo, na área de concentração Teoria e Prática da Conservação e Restauro, pela Universidade Federal da Bahia (2005), tendo realizado Doutorado Sanduíche no Exterior, junto à Universitat Politècnica de Catalunya (2002-2003).  É Professora Associada da Universidade Federal do Espírito Santo.Tem experiência na área de Arquitetura e Urbanismo, com ênfase em Fundamentos da Arquitetura e Urbanismo, Conservação e Restauro, Projeto de Arquitetura e Urbanismo, Patrimônio, Gestão e Sustentabilidade, Intervenção urbano-arquitetônica, atuando principalmente nos seguintes temas: intervenção em estruturas históricas e consolidadas, teoria e prática da conservação e do restauro, patrimônio e territorialidades sócio-espaço-temporais, história da arquitetura e da cidade, teoria e história da arquitetura no Brasil, patrimônio cultural do Espírito Santo.  Atualmente é integrante do Colegiado Acadêmico do Programa de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo, em nível de Mestrado, área de concentração Cidade e impactos no território, do Centro de Artes, no qual atuou complementarmente como Coordenadora Adjunta; e coordena o Laboratório Patrimônio & Desenvolvimento - Patri_Lab.

 

Isabel Portella

Isabel Sanson Portella é servidora pública federal do Instituto Brasileiro de Museus. Doutora e Mestre em História e Critica da Arte pela Escola de Belas Artes Universidade Federal do  Rio de Janeiro (EBA/UFRJ); Especialista em História e Critica da Arte do Brasil pela Pontifícia Universidade Católica/PUC-Rio. Desde 1992 atua em museus desenvolvendo projetos e ações em preservação e conservação. Trabalha no Museu da República desde 2006 como pesquisadora de acervo museológico e curadora de exposições históricas. Coordenadora da RAM (Rede de Acessibilidade em Museus), promove palestras sobre acessibilidade em várias instituições museológicas, bem como foi responsável pela organização do II Encontro Brasileiro de Museus Casas: Acessibilidade em múltiplos contextos. Suas falas estão sempre conectadas às diferentes formas de acessibilidade possíveis em espaços museológicos e patrimônios culturais. Por vivenciar em seu dia-a-dia as dificuldades pelo não cumprimento do Estatuto da Pessoa com Deficiência, apresenta estudos de caso e soluções para diferentes questões recorrentes com relação a imóveis tombados e espaços musealizados.

 

 

Luis Roberto Soares

 Coordenador de projetos do Núcleo de Cultura e Participação do Instituto Tomie Ohtake. Desenvolve pesquisa sobre estratégias de mediação e participação de públicos em vulnerabilidade social em instituições de cultura.

Atua com a articulação de parcerias entre equipamentos culturais e instituições públicas ou privadas de saúde, educação e assistência social de modo a articular os conteúdos pedagógicos trabalhados dentro dessas instituições com a programação  oferecida por equipamentos de cultura. Foi colaborador do Museu de Arte Contemporânea da USP, Pinacoteca e Bienal de arte de São Paulo. É ator formado pela Escola de Arte Dramática. Estudou filosofia na Universidade de São Paulo onde foi aluno de Marilena Chaui, José Arthur Gianotti, Sergio Cardoso, entre outros.

 

Assessoria de Comunicação da Secult

Carol Veiga / Erika Piskac / Danilo Ferraz

secultes.imprensa@gmail.com

comunicacao@secult.es.gov.br

Tels.: 3636-7111/99808-7701/99902-1627

Facebook: secult.espiritosanto

Texto: Danilo Ferraz

 

 

2015 / Desenvolvido pelo PRODEST utilizando o software livre Orchard