13/09/2017 15h15 - Atualizado em 13/09/2017 15h22

FUNCULTURA: Editora Cousa lança coleção Safra'17 dentro do Festival de Cinema de Vitória

Além dos filmes e de suas diversas atividades, o 24º Festival de Cinema de Vitória abre espaço para o lançamento de livros, e a editora Cousa vai lançar a coleção Safra'17 dentro da programação nesta quinta-feira (14), no Hotel Senac Ilha do Boi, Vitória, às 14h. A editora vai lançar as edições em papel e ebook da Safra'17, um selo que agrupa quatro obras contempladas no Edital 006/2016 - Produção e Difusão de Obras Literárias do Funcultura, da Secult: Bárbara, narrativa de Brunella Brunello; Voz, poemas de Jorge Verly; Os Dalmarco, romance de Danyel Sueth; e Nós de sangue, contos de Yan Brandemburg.

A entrada é franca. Os livros serão vendidos pelo preço de 20 reais, e os ebooks, 2ª edição de cada uma das obras, serão vendidos nas principais livrarias virtuais do país ao preço de 10 reais.

  Bárbara - Brunella Brunello

Ambientados em um condomínio de 10 andares, cujo nome jamais é revelado, os contos de “Bárbara” estão ligados por uma mesma unidade narrativa. “O livro nasceu de uma caminhada pelo Centro de Vitória. Eu e meu marido passávamos por um edifício antigo do Parque Moscoso, e ele disse que, de longe, o nome daquele prédio lembrava Sherazade. Na hora, tive a ideia de um livro como ‘As Mil e Uma Noites’, em que uma mesma narradora contaria a história de mil e um apartamentos”, afirma Brunella.

 

Brunella Brunello nasceu em 1990, em Vitória (ES). Formou-se em Jornalismo pela Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes) e trabalha como redatora publicitária. Publicou contos e crônicas em periódicos e participou da antologia “Sem a Loucura Não Dá” (Ed. Cousa, 2017), que reúne contos inspirados em canções de Sérgio Sampaio.

 

  Voz - Jorge Verly 

A obra de Verly reúne 67 poemas e tem como temática principal a voz e suas polissêmicas possibilidades de leitura e o diálogo. Dividido em três partes (“Voz”, “Outras vozes” e “Vocalise”), o livro tem como ponto de partida a ideia de que há uma voz silenciosa por detrás das letras impressas no papel e que também constitui o poema.

 

Jorge Verly nasceu em 1981, em São Mateus (ES), onde mora. Licenciado em História, é mestre em Letras (Ufes, 2006) e doutorando em Letras (Ufes). Leciona História na rede estadual do desde 2000. Escreve e publica artigos e trabalhos na área de Estudos Literários em periódicos e livros, tendo especial interesse pelas interfaces entre a literatura e a música popular. Está concluindo uma tese de doutorado sobre o cancioneiro de Sérgio Sampaio à luz da filosofia de Theodor W. Adorno. Publicou, em 2014, o livro de poemas “Calendário”, editado pela Secult e fruto do edital do Funcultura de 2013.

 

  Os Dalmarco - Danyel Sueth

Já “Os Dalmarco”, por sua vez, marca a estreia de Danyel Sueth como romancista. Em seu primeiro romance, narra a saga de uma família consumida por uma revelação do patriarca, feita em seu testamento, de acontecimentos insólitos relacionados ao seu sucesso empresarial, dando início a uma história envolvente. Com uma linguagem rápida e contemporânea, explora ao longo do texto um universo turbulento repleto de relações humanas complexas.

Danyel Sueth nasceu em 1982, em Bom Jesus do Itabapoana (RJ). Reside no município de Alegre (ES) há mais de 14 anos. Formado em Direito pela Faculdade de Direito de Cachoeiro de Itapemirim, é advogado, dramaturgo e ator. Como músico, é guitarrista e vocalista da banda Estado de Sítio, com a qual já lançou os álbuns “Aparências” (2006) e “Estiagem” (2017). No ano passado, estreou ainda um projeto musical solo, chamado Voxer.

 

  Nós de sangue - Yan Brandemburg.

 "Nós de sangue" é uma reunião de dezessete contos sobre a violência dos conflitos familiares que revelam a perversa rede dos laços sanguíneos e sanguinários que nos atam. O livro conta com prefácio de Paulo Roberto Sodré, texto de orelha por Bernadette Lyra e ilustração de capa de Thila Paixão.

Yan Brandemburg é professor de língua portuguesa, mestre em Letras pela Universidade Federal do Espírito Santo, com uma pesquisa sobre Oficina Literária de Escrita Criativa, e doutorando pela mesma universidade. Desenvolve também o projeto “Semear Palavra” em que ministra cursos de escrita e palestras. Como escritor, publicou o livro de contos “Yanni” (2014) por meio do extinto edital da “Rede Cultura Jovem” promovido pela Secretaria de Estado da Cultura do Espírito Santo.

 

Lançamento de livros - Safra'17

Data: quinta-feira, 14 de setembro

Horário: 15h

Local: Hotel Senac Ilha do Boi, R. Bráulio Macedo, 417 – Ilha do Boi, Vitória.

Entrada gratuita.

Os livros serão vendidos pelo preço de 20 reais

 

Assessoria de Comunicação da Secult

Carol Veiga / Erika Piskac / Danilo Ferraz

secultes.imprensa@gmail.com

comunicacao@secult.es.gov.br

Tels.: 3636-7111/99808-7701/99902-1627

Facebook: secult.espiritosanto

Texto: Danilo Ferraz

2015 / Desenvolvido pelo PRODEST utilizando o software livre Orchard